Skip to content

O “rentismo” e a léxis de O capital

17/10/2017

Faz-se nesta nota um comentário sobre um ponto bem específico contido no livro mais recente de François Chesnais, Finance capital today. Como fica evidente já pelo título, esse autor pretende atualizar, com originalidade e cem anos depois, a tese de Rudolf Hilferding – e de Vladimir Lenin – sobre o caráter do capitalismo na era do imperialismo. Porém, apesar de sua pretensão evidente de se manter fiel aos escritos de Marx, considera que não pode escusar o emprego da expressão “capital rentista”. Ora, ao proceder assim, ele adiciona uma “nova categoria” à ordem de exposição de O capital. Esta postagem encaminha uma nota crítica que contesta a validade desse procedimento que não é só dele, mas de muitos marxistas. Argumenta-se que a ideia de um “capital rentista” provém de Keynes e viola fragrantemente a léxis de O capital.

A nota se encontra aqui: O rentismo e a léxis de O capital

Anúncios

Comentários encerrados.